MÚSICOS
Filipa Moura - soprano

Filipa Moura iniciou os seus estudos musicais na Academia de Música de Espinho com 9 anos de idade, integrando a classe de piano da escola. Frequentou esta escola até o ano de 2002, tendo concluído com distinção o IV grau de Piano. Em 2002 candidatou-se ao Concurso Externo de Técnica Vocal e Repertório preconizado pelo Conservatório de Música do Porto, tendo conseguido entrada imediata na Classe de Canto da Professora Palmira Troufa, mediante a aquisição do primeiro lugar do respectivo concurso. Desde então a sua actividade musical direccionou-se francamente para o canto lírico e de repertório, tendo participado em variados recitais de canto quer como solista, quer como membro do grupo Momenti Vocali.

Ao longo da sua trajectória musical salientam-se algumas das participações mais significativas: 2004 - Recital de Canto e Musica Vocal de Câmara realizado na Casa das Artes do Porto; 2004 - Concurso Santa Cecília organizado pelo Curso de Música Silva Monteiro, tendo obtido uma Menção Honrosa; 2005 - Recital de Canto efectivado no Auditório Municipal de Vila Real; 2005 - Concerto de Natal no Grande Hotel do Porto em comemoração da Ceia de Natal da Universidade Sénior da Foz; 2005/2006 - Participação nas Tertúlias Culturais efectuadas no Café Guarany; 2006 - Recital de Canto realizado no Ateneu Comercial do Porto; 2006 - Recital de Canto realizado no Rivoli integrado nas comemorações do FITEI 2006.

Em simultâneo, e desde o ano de 1995, pertence ao Coro da Tuna Juvenil de Sermonde que tem também permitido consolidar todo o seu percurso dentro da área musical, nomeadamente na vertente do canto lírico.

Pedro Filipe - violino

Iniciou os seus estudos musicais aos 7 anos de idade no Conservatório Regional de Gaia, integrando a classe de violino, tendo Américo Magalhães como o seu primeiro professor.

Aos 14 anos de idade transferiu-se para a Academia de Música de Espinho, onde completou o Curso Complementar de Música, na classe de violino e sob a direcção da Professora Roumiana Badeva.

Na Academia de Música de Espinho teve actuações regulares com a Orquestra Profissional de Espinho, tendo a oportunidade de tocar sob a regência de alguns dos melhores maestros e maestrinas da actualidade, destacando-se alguns nomes como Cesário Costa, Joana Carneiro, entre outros.

Foi convidado para tocar com inúmeras orquestras e actualmente é o concertino da recém formada Orquestra de Gaia.

No presente lecciona a classe de violino na Academia "Partitura" em São Mamede de Infesta e na Academia "Artes" em Vilar de Andorinho.

Ivo Costa - orgão/piano

Natural do Porto, iniciou os seus estudos musicais aos 6 anos e aos 9 anos ingressa na Fundação Conservatório Regional de Gaia na classe de piano do professor Rui Pintão concluindo o curso no ano de 2005. Foi aluno bolseiro pela mesma instituição. Durante a sua formação apresentou-se regularmente em concerto. Participou em vários cursos de interpretação com pianistas como Luiz Moura Castro, Helena Sá e Costa e Seghei Covalenco.

É convidado regularmente a colaborar com diversos agrupamentos musicais, destacando-se o Coro da Fundação Conservatório Regional de Gaia, Coro do Orfeão de Valadares, Coro da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto e da recém formada Orquestra de Gaia. Trabalha regularmente com o maestro Miguel Fernandes.

Presentemente, lecciona a classe de piano na Academia de Música e Artes de Avintes e na Academia Cultural e Musical de Canedo.